O FUNCIONAMENTO

Como está organizado o trabalho num Banco Alimentar?

Embora nalguns casos, apoiados por profissionais contratados, todos os serviços executados no Banco, são coordenados por voluntários.

Os Bancos Alimentares, estão organizados em 6 Comissões.

  • Comissão de Abastecimento
  • Comissão de Voluntários
  • Comissão de Distribuição
  • Comissão Administrativa e Financeira
  • Comissão Técnica
  • Comissão de Imagem e Relações Públicas

Qual o princípio base do funcionamento?

Os Bancos Alimentares, são uma emanação da sociedade civil e devem ser por ela, alimentados com trabalho voluntário, produtos e fundos. Não se pretende uma caridade condescendente: a resposta dos dadores deve ser um gesto consciente, uma opção de cidadania que vai contribuir para criar mais justiça e mais equidade.

De acordo com os seus Valores, a Dádiva e a Partilha, os Bancos Alimentares recusam o primado do dinheiro: a sua abordagem inscreve-se numa lógica de promoção de uma solidariedade activa e responsável. Esforçam-se por dar testemunho de pobreza e despojamento, pela aceitação da dependência.  Alguns donativos são necessários mas deve ser promovida e suscitada uma solidariedade activa e responsável na sociedade. Os Bancos Alimentares pretendem colocar-se ao serviço dos pobres que, estes sim, vivem numa situação de dependência. Optam, em coerência com o seu objectivo, por viver numa real dependência dos dadores públicos e privados.

A sua acção passa por solicitar sem cessar, o apoio de múltiplos parceiros, para garantir os menores custos de funcionamento. As decisões relativas à sua gestão são, no entanto, tomadas com toda a independência em relação aos dadores.  

A procurar...
BA AbrantesBA AlgarveBA AveiroBA BejaBA BragaBA Castelo BrancoBA CoimbraBA Cova da BeiraBA ÉvoraBA Leiria-FátimaBA LisboaBA MadeiraBA OesteBA PortalegreBA PortoBA SantarémBA São MiguelBA SetúbalBA TerceiraBA Viana do CasteloBA Viseu

Jogo dos Alimentos - SC Braga

Numa iniciativa do SC Braga Solidário realizou-se o Jogo dos Alimentos, que associa um dos últimos jogos do SC Braga em casa à recolha de bens alimentares para distribuição por instituições da cidade e da região.
Uma grande demonstração de solidariedade do Clube e de todos os adeptos  braguistas, que se associaram à causa da luta contra a fome e entregaram 3 toneladas de alimentos ao Banco Alimentar de Braga.
 

Saiba mais »

O BANCO ALIMENTAR DE BRAGA ANGARIOU 126 TONELADAS DE PRODUTOS NA CAMPANHA DE RECOLHA DE 27 E 28 DE MAIO DE 2017.

Na zona de actuação do Banco Alimentar Contra a Fome de Braga foram angariadas 126 toneladas de produtos alimentares na última campanha de recolha.

Os bens alimentares serão distribuídos localmente, já a partir da próxima semana, a 64.873 pessoas com carências alimentares comprovadas, através de 447 Instituições de Solidariedade Social previamente seleccionadas para o efeito e supervisionadas pelo Banco.

A campanha mobilizou cerca de 3.000 voluntários, que recolheram as contribuições efectuadas nos 98 supermercados onde foi organizada a recolha.

Saiba mais »
mais notícias »