História do BA Braga

O BABraga entrou em funcionamento no dia 16 de Outubro de 2008, mas teve um processo de construção. Foi constituído em Abril de 2008 por iniciativa dos sócios fundadores da AREA – Associação de Recolha de Excedentes Alimentares, constituída por escritura pública no dia 10 de Abril de 2008, e registada como IPSS n. 72/09, em 31 de Julho de 2009.

Esta iniciativa surgiu no seguimento da constatação dos seus associados de que o distrito de Braga tinha necessidade desta resposta social. Ela poderá garantir a distribuição de alimentos às instituições que no distrito trabalham com a população, quer através da distribuição de bens alimentares, quer através do fornecimento de refeições nas várias respostas sociais implantadas.

Todo o trabalho desenvolvido pelo Banco Alimentar Contra a Fome de Braga, desde a data da sua abertura e até à presente, foi realizado única e exclusivamente com o recurso a trabalho voluntário, sendo que os orgãos sociais o são obrigatoriamente por imposição estatutária, e com o apoio de pessoas e empresas locais.

 

A procurar...
BA AbrantesBA AlgarveBA AveiroBA BejaBA BragaBA Castelo BrancoBA CoimbraBA Cova da BeiraBA ÉvoraBA Leiria-FátimaBA LisboaBA MadeiraBA OesteBA PortalegreBA PortoBA SantarémBA São MiguelBA SetúbalBA TerceiraBA Viana do CasteloBA Viseu

Jogo dos Alimentos - SC Braga

Numa iniciativa do SC Braga Solidário realizou-se o Jogo dos Alimentos, que associa um dos últimos jogos do SC Braga em casa à recolha de bens alimentares para distribuição por instituições da cidade e da região.
Uma grande demonstração de solidariedade do Clube e de todos os adeptos  braguistas, que se associaram à causa da luta contra a fome e entregaram 3 toneladas de alimentos ao Banco Alimentar de Braga.
 

Saiba mais »

O BANCO ALIMENTAR DE BRAGA ANGARIOU 126 TONELADAS DE PRODUTOS NA CAMPANHA DE RECOLHA DE 27 E 28 DE MAIO DE 2017.

Na zona de actuação do Banco Alimentar Contra a Fome de Braga foram angariadas 126 toneladas de produtos alimentares na última campanha de recolha.

Os bens alimentares serão distribuídos localmente, já a partir da próxima semana, a 64.873 pessoas com carências alimentares comprovadas, através de 447 Instituições de Solidariedade Social previamente seleccionadas para o efeito e supervisionadas pelo Banco.

A campanha mobilizou cerca de 3.000 voluntários, que recolheram as contribuições efectuadas nos 98 supermercados onde foi organizada a recolha.

Saiba mais »
mais notícias »